Mutirão Nacional de Conciliação do Sistema COFECI-CRECI

Com o objetivo de facilitar a regularização da situação do corretor de imóveis e das imobiliárias o CRECI-BA aderiu ao PROGRAMA NACIONAL DE REGULARIZAÇÃO E CONCILIAÇÃO PROFISSIONAL, com base na resolução COFECI 1410/2018. Portanto, até o dia 31/10/2018 o corretor e a imobiliária que estiverem inadimplentes terão um atendimento diferenciado e adequado para a RESOLUÇÃO DA SUA SITUAÇÃO FINANCEIRA.

Este programa dará a oportunidade de parcelar os débitos em até 20 vezes, desde que o valor de cada parcela não seja inferior a 25% do valor atualizado da anuidade em vigor no momento da assinatura do TERMO DE CONFISSÃO DE DÍVIDA (hoje parcela mínima de R$ 168,28 – Pessoa Física).

Após o pagamento da 1ª parcela do acordo, o corretor ou imobiliária ficarão regulares para exercer sua atividade e, em casos de débitos ajuizados, terão a suspensão da execução fiscal e exclusão do seu nome do CADIN (cadastro nacional de inadimplentes).

Qualquer Corretor de Imóveis ou sócios de imobiliária poderão participar do programa, bastando comparecer a sede do CRECI-BA (Brotas) ou em umas das delegacias regionais, das 09h às 17h, de segunda à sexta-feira.

Outras informações: 71-3444-1454 / 1457 / 1455

tesouraria@creciba.gov.br / tesouraria2@creciba.gov.br

 

*ATENÇÃO! Este comunicado não tem a função de cobrança, trata-se de um COMUNICADO INFORMATIVO para toda classe em relação ao PROGRAMA NACIONAL DE REGULARIZAÇÃO E CONCILIAÇÃO PROFISSIONAL. Caso esteja em dia com a sua anuidade, desconsidere este comunicado ou repasse a informação, se achar importante.

 

Atenciosamente,

Samuel Prado – Presidente do CRECI-BA

Mário Augusto P. de Almeida – Diretor Tesoureiro do CRECI-BA

 

Compartilhar / Imprimir

Postado no dia 08/10/2018

CRECI BAHIA - 9ª REGIÃO

  • Av. Dom João VI, 289, Brotas, Salvador/BA
  • Funcionamento: Seg. a Sex. das 09h às 17h
  • (71)3444-1450
  • creciba@creciba.gov.br
  • CNPJ: 15.245.848/0001-58

Nossa Localização

Siga-nos nas Redes Sociais

Template desenvolvido por Natan Santos.